My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

sábado, maio 23, 2009

Para lá do verbo...



...com a devida vénia - NU - by Modigliani

Em cada instante da tua hesitação...
Navego-te em carícias sorriso enlevo
No segredo das nossas praias brancas
E o poema acontece...para lá do âmago.

Para lá do verbo caminhante arroubo
Na rota da seda perfume tecida
Há sóis chama na soleira do teu colo
Até ao solver abrigo dos teus lábios.

Plagio-te em chocolate negro e amargo
Café forte e deleites campestres mil
Abraços sempre inconclusivos tardios...

Para lá do gosto sempre dito e sufocado
Atrevo-me em correr-te na nudez dos ombros
Para lá da melodia rubra crescente...


in - MOMENTOS - by OUTONO - 2009

37 comentários:

Cris Animal disse...

Para lá de sensual, terno e decidido seu poema.

Realmente, para lá do verbo....quando o verbo se torna já efêmero para contar nossas emoções e realizar nossos desejos.

detalhe:linda música

beijos
............Cris Animal

Lua Erótica disse...

Um dos mais belos poemas que já li.
A palavra "Maravilhoso" aplica-se aqui, mas é pequena para qualificar o poema.

Um beijo doce

Natália Augusto disse...

Os teus poemas são de uma sensibilidade esxtrema e de uma intensidade que vai além do aqui e agora.

Poema de um erotismo sem igual. Poema-poesia de amor e paixão, entrega e necessiidade de retorno...

Lindo, mágicoa... arte pura!

Beijos

Desnuda disse...

Prá lá de belo! Nossa...Sutil e delicada sensualidade. Versos que insinuam e nos deixam viajar...

"...Há sóis chama na soleira do teu colo/Atrevo-me em correr-te na nudez dos ombros
Para lá da melodia rubra crescente... "

Quanta beleza nesses versos... Deslumbrante!



Beijos e lindo fim de semana, amigo.

MS disse...

Curiosamente, o poema acontece sempre, quando em desespero, já não conseguimos discernir com palavras o sentimento. Será o poema uma reflexo incondicionado que não podemos controlar?

Ailime disse...

Uma bela forma de homenagear a Mulher.
Muito lindo e edificante.
Bjs

Bruma disse...

Um texto cheio de sensualidade, de cumplicidade e de amor... ;)

Bjinhos

Bruma disse...

Ah! esqueci.... uma tela magnifica e muito bem escolhida!

Jinhos

mdsol disse...

Além do Amedeo temos o Outono..

Palavras de ser e estar plenamente!

:)))

OUTONO disse...

CRIS

Para lá do verbo...há o silêncio da bruma matinal...onde navegam emoções mil...como dizes. Obrigado.

Beijo

OUTONO disse...

LUA ERÓTICA

Perdoa-me....perdoa-me...há seguramente um exagero nas tuas palavras. Quero....é certo, oferecer o belo, mas não passo de um contador de frases errantes...com verbos hesitantes.

Beijinho e obrigado.

OUTONO disse...

NATÁLIA

Toada a nossa vida...tem uma necessidade de retorno...aqui e ali com a escrita a brotar emoções, onde nos encontramos em parágrafos soltos...
E a escrita acontece-me, em momentos onde tento amar a folha virgem da minha paixão...nada fácil, por isso arte apenas...no sonho de ter leitores atentos e amigos.
Deixo-te um beijo e um agradecimento forte.

OUTONO disse...

DESNUDA

Há encanto...no repetir das minhas palavras, pela sensualidade da tua escrita. Consigo agora ver...uma pequena flor...que plantei e desafiou quem passa neste recanto.

Obrigado grande amiga.

Beijo

OUTONO disse...

MIKE

O poema é a evasão...a ruptura...a escravidão da alma sedenta...nobreza de vagueio palavra.
O poema é a resposta da pergunta sem jeito...e conluio da interrogação...perante o ponto final da certeza...ou do sonho.
O poema acontece...basta que tenha liberdade para nascer.

Um forte abraço

OUTONO disse...

AILIME

Leio o teu sentir...e imagino a tua verdade. Muito obrigado pelo impulso positivo.

Um forte abraço

OUTONO disse...

BRUMA

...amiga de sempre, cumplicidade verdade, é como te defino, neste olhar longe que me ofereces em palavras sempre doces.

Tentarei continuar.

Beijinho

OUTONO disse...

MDSOL

Sorrio....muito e agradeço com um abraço forte.

CarlaSofia disse...

O toque da sedução ultrapassa as palavras e todo o vocabulário passa a ser sensível.
grata pela visita e até breve
uma boa semana
~universosquestionáveis~

Xana disse...

Meu amigo Outono, cada palavra mostra a sensibilidade e sensualidade com que amas a vida, nem toda a gente consegue, fico sempre arrepiada.
Desculpa a minha falta de tempo para vir aqui mais vezes.
Beijo grande carregado de primavera :)

Eu sei que vou te amar disse...

Meu lindo Outono...sinto-te em cada melodia que toca no meu íntimo, dispo os verbos rumo a página do teu sentir, escrevinhando sentires que só a alma proclama!
Maravilhoso poema!
Beijo doce

Angela Ladeiro disse...

Gostava de comentar com mais força, como o poema merece. Acontece que não sou capaz. Gosto, sinto, mas depois as palavras certas ou que eu gostaria...não saem...Um beijo

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Meu amigo, perdemos contato, vim visitar-lhe!
Adorei o seu poema que apela aos sentidos. Gostei muito deste terceto:
"Plagio-te em chocolate negro e amargo
Café forte e deleites campestres mil
Abraços sempre inconclusivos tardios..."
Você está cada vez melhor, Poeta!
Vou linká-lo com todo prazer, para sempre vir aqui.
Ih, aconteceu tanta coisa! Eu tinha 10 Blogs, agora tenho 5, porque não conseguia dar conta de todos.
Convido-o a visitar os de poesia:
FEMININA,
http://blogrenatafeminina.blogspot.com
AMOR,
http://blorrenataamorr.blogspot.com
Olha, eu vou esperá-lo. Por favpr, vá, não me cause desgoto, senão choro.
Vou procurar o seu e-mail e mandar-lhe os selos dos meus Blogs principais: o GALERIA e o FEMININA.
Beijos, amigo, quanta saudade!
Renata

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

O enderaço correto do AMOR é:
http://blogrenataamorr.blogspot.com.
Sorry,
bye!

mdsol disse...

Um bom dia para o "vizinho" da blogosfera
:))

OUTONO disse...

CARLA SOFIA

...perfeita a interpretação que escreveste. Eu é que fiquei seduzido.

Beijinho

OUTONO disse...

XANA

Não peças desculpa...entendo, que há compassos...onde nos refugiamos...estás à vontade. Como sempre...e como sempre um obrigado sincero, pelas palavras amigas.

Beijinho

OUTONO disse...

EU SEI QUE TE VOU AMAR

...quase paciência asiática, palavra a palavra....o léxico do amor acontece...e o verbo seduz a grandeza da entrega...como a tua, sempre envolvente, chama rubi...mas discreta.

Beijinho

OUTONO disse...

ÂNGELA LADEIRO

Fico pensativo, nesse querer que dizes querer...e não encontro luas de razão. São as tuas palavras simples...que me apaixonam...porque isentas de "perfumes" por vezes apenas inebriantes .
Permite-me...gosto do teu sentir simples e verdadeiro. É lindo. Um beijo.

OUTONO disse...

RENATA

Muito obrigado, pelo comentário impulso com que me distinguiste.

Um agradecimento sincero, que faço questão de partilhar, por entre os mais.

Um beijo.

OUTONO disse...

MDSOL

Boa noite " vizinha"...faça favor de entrar...o chá está pronto....a seu gosto!

Beijinho

susana disse...

Dizes-me o que toca agora no teu blog? Voltarei a ler o poema porque quero ouvir a música. Voltarei a ouvir a música para reler o poema.

OUTONO disse...

SUSANA

Lindo "trocado" de pensamento...

Emma Shapplin...cantora lírica, obra Carmine Meo, o tema Venere. Fabuloso...de encher a alma...e brotar poesia. No outro dia, numa curta viagem, ouvi até à exaustão, e os Kms "encurtaram".

mariam disse...

Outono,

tarde, muito tarde aqui volto... mas o gosto renova-se :)

este poema é fabuloso! 'fala' de poemas, ousadias e cheiros campestres :) Adorei!

um grande abraço
brijinhos
mariam

mariam disse...

'beijinhos'

OUTONO disse...

MARIAM

Posso?

Perguntei-me por ti. Gostava de ter o teu comentário. Diz o povo: -
" mais vale tarde que nunca".
Apareceste...e nas tuas palavras a descodificação do meu escrever.
Um dia, lembro-me...se a memória não me atraiçoa...escreveste : - "Ousar é criar".
Adoptei um pouco desse ensinamento neste Verbo...onde desafiei o sulcar das belezas de uma carícia , por entre intervalos doces e sentires perfumados...campestres!
E que bom foi saber do teu agrado, na leitura que fizeste.
Um sorriso, um abraço e um beijinho.

o Nosso cAstelo disse...

de umasensualidade discreta. este poema, que adorei...café e chocolate são excitantes...(risos)

deixo-te um desafio de fantasia, caso te sintas inspirado a aceitar...bj

http://princesadragao.blogspot.com/2009/06/fantasia.html

OUTONO disse...

O NOSSO CASTELO

Obrigado pelo apoio.

Beijinho