My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

domingo, setembro 05, 2010

Sentir...





Sinto este verbo sentir...adentro do sentimento

Sentimento de um espraiar solto beijador

Beijador na maré da maresia convite odor

Odor fértil e apelo de paragens farol

Farol sede... onde o amor "se mata" na concha

Concha de mão casulo e interior carícia

Carícia gesto e exclamação feita sol

Sol nunca escondido...lua nunca ausente

Ausente de tormentos...nunca de momentos

Momentos cristal...na cena da boca...

Boca de cena...peça vida e castelo imenso

Imenso de um Tanto....grande de um Mar

Mar...o segredo de dizer ...azul!


in - MOMENTOS - by OUTONO - 2010

21 comentários:

Lídia Borges disse...

Muito bonito!

Resultou bem a repetição da última palavra do verso no início do seguinte.

Sentir... o azul!

L.B.

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta
Adorei...apenas um sentir profundo...como o azul do mar.

Beijinhos
Sonhadora

A Luz A Sombra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
A Luz A Sombra disse...

"Concha de mão casulo e interior carícia"

Porque será que a tudo o que amamos ligamos sempre... o mar!?

Boa semana

Hanukká disse...

Uma linda noite de paz, abraço.

Conversando com Deus.

Pedi força e vigor Deus me mandou dificuldades para me fazer forte
Pedi sabedoria Deus me mandou problemas para resolver
Pedi prosperidade Deus me deu energia e cérebro para trabalhar
Pedi coragem Deus me mandou situações para superar
Pedi amor Deus me mandou pessoas com problemas para eu ajudar
Pedi favores Deus me deu oportunidades
Não recebi nada do que queria,
Mas, recebi tudo o que precisava!

Multiolhares disse...

quando olhamos o mar na sua imensidão sentimos os nossos pensamentos, os nossos desejos, intocaveis como o horizonte que está tão perto e tão longe das nossas mãos
Bj

SAM disse...

Querido amigo,

"grande de um Mar
Mar...o segredo de dizer ...azul!"

maravilhoso! Obrigada pela bela partilha.


Carinhoso beijo

Fátima disse...

Esqueceu o sal...
Mas não faz mal!
O sal só daria um pouco mais de sabor.
Houve amor
Está perdoado!

Parabéns pelo poema.
Com carinho
Fátima

pin gente disse...

gosto do teu jogo, outono!
beijos
luísa

Maria Dias disse...

Oi amigo...

Passando para avisar que vou fechar por um tempo as páginas do Avesso do Avesso do Avesso...Nao sei quando volto e "se" volto mas estou encerrando este capítulo(depois de 3 anos)talvez um ciclo se fecha e entao como vc fez parte do meu Avesso te convido a partilhar da minha ultima página...

Te aguardo...

Um forte abraço!

Maria Dias

OUTONO disse...

LÍDIA

Ainda bem que foi ao encontro do teu agrado.

Fico muito grato.

Beijinho.

OUTONO disse...

SONHADORA

Um enorme obrigado...

Beijinho.

OUTONO disse...

A LUZ...

O mar é uma das essências da vida...logo tudo está ligado.

Digo eu...no meu pobre pensar.

Obrigado.

OUTONO disse...

HANUKKÁ

Belo poema.

Obrigado.

OUTONO disse...

MULTIOLHARES

...fascínios dessa beleza única!
Acredita!

Beijinho.

OUTONO disse...

SAM

Um carinho imenso, neste agradar pleno do teu comentário.

Obrigado. Um beijo.

OUTONO disse...

FÁTIMA

Sorrio...e agradeço.

Beijinho.

OUTONO disse...

PIN GENTE

Não é um jogo...é um sentir.

Muito grato pela tua presença.

Beijo.

OUTONO disse...

MARIA DIAS

Sinto profundamente a tua tomada de posição.
Espero sinceramente...que a anules.

Um forte abraço de incentivo!

Maria, Simplesmente disse...

"Mar...o segredo de dizer ...azul!"

Isto é lindo!

Há coisas que só se dizem uma vez...!

Fique

Maria

mariam disse...

"Mar...o segredo de dizer ...azul"

ENCANTADOR! (TUDO)

beijinhos
mariam