My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

segunda-feira, maio 11, 2009

Tanto (a)mar...



...algures, por mares nunca dantes navegados...na NET...colocados!

Ali, frente a frente...olhei-te mar revolto de sedução
Avancei destemido...molhei os pés provocadoramente
deste-me sal iodado ...e, fugiste arrastando segredos.

Voltaste ao meu encontro...verde e azul de feição
Toquei-te a medo na espuma ébria, fútil e bravia
Sorriste...senti cócegas de areia frágil e, recuaste de novo.

Cantei-te em murmúrio, o teu poema doce e trágico
Chorei, com a fresquidão do teu sopro Adamastor
E voltaste ainda mais forte...sedento e severo.

Na corrente falsa do teu espraiar...vieste sete vezes
Dizer-me beleza, força...sonho, vastidão e querer
Sete vezes te respondi...sete vezes te amei louco.

E antes, que herói fosse, no rasgo da luta humana
Recuo...gozo-te... fenómeno gigante destemido
E escrevo-te no sossego da mente - ATÉ JÁ AMIGO!

in - MOMENTOS - by OUTONO - 2009

45 comentários:

SAM disse...

Lindo, querido amigo! Às vezes leio versos que me calam....Entrego-me ao prazer de senti-los...



Grande abraço.

Bruma disse...

Uah! Genial! Está soberbo!
Sorry, mas fiquei sem palavras... mias modestas, senão estas!

Bjinhos e boa noite!

PS: Caramba, excedeste-te...

susana disse...

Duas sensações diferentes com o teu poema:
1) a beleza das entrelinhas
2) Reais saudades do verão!!

A.Tapadinhas disse...

Muito sedutora a maneira como descreves as ondas e nos enleias, não sei se com as palavras ou o sal, na espuma salgada das tuas palavras...

Abraço.
António

mdsol disse...

Até já!
Não se afobe não... rsrsr
Mas volte.
:)))

lilipat2008 disse...

A imagem é linda, mas o poema...soberbo...:)

bjitos

MSLS disse...

Muito bonito.

Só Eu (Ricardo) disse...

Tanto @Mar. Não me arrependo de ter escolhido este titulo para o meu primeiro livro de poemas. Não me arrependo porque associado a ele estão trabalhos que justificam o nome.
Agora tu. Tu também escolhes este titulo para um poema soberbo. Fiquei por aqui a ler e a reler estes versos tão bem "ditos".
Parabens
Forte abraço
Ricardo

pin gente disse...

é o teu sal que me arrepia a pele
dele é o sabor dos beijos e abraços
que me traz a fome
a vontade de me enrolar em ti
uma humidade fresca que nos faz subir ao céu numa brisa aquecida pelos calor do teu corpo.
sopra-me ao de leve!
arrepia-me profundamente neste jogo sensual que vemos reflectido no mar
mas é o teu sal...
é o teu sal que me arrepia a pele!


um beijo, outono

Parapeito disse...

Gostei mto desre tanto (a)mar...
Deixo te um recado que escrevi faz tempo :)
*
vamos amar o mar
................e nos amar amar
...............................amor amar
.........................................e tanto e tanto como o mar.

maria loBos.
.
Dias cheios de brisas mansas****

Ailime disse...

Um poema lindo, intenso, onde a beleza do amor se confunde com as ondas gigantes deste enorme mar.
Muito belo.
Bjs.

Pedrasnuas disse...

SE EU TE DISSER QUE A IMAGEM QUE ME TRANSMITES COM ESTE POEMA É A DE UM "TOUREIRO" EXPRESSIVO,GINASTA ...MALABARISTA
QUE IMVESTE ELEGANTEMENTE UM "TOURO" (MAR) E LANÇA-SE NUM ENREDO DE LUTA POÉTICA ...UM FRENESI DE AMANTE...LOUCO. DEPOIS CAMINHAS COM A ESPUMA NOS PÉS NUS CHEIO DE MAR E DE AMAR...

ABRAÇO COM ODOR A MARESIA

OUTONO disse...

SAM

Por vezes o silêncio do sentir...é um mar de paixões. Também me sinto apaixonado pelas tuas palavras...pela tua amizade, pelo sorrir da tua presença.

Beijinho

OUTONO disse...

BRUMA

tão querida...tão sedutora, na adjectivação do meu escrever. Contigo...tomarei a liberdade de navegar mais longe...sem excessos.

Beijinho

mariam disse...

Outono,
FANTÁSTICO! belíssimo poema!

e... nunca o mar se 'encolheu' tanto perante um duelo assim... de gigantes! Ele com suas afoitas vagas de sentires e Tu com esta escrita maravilhosa... dizes que 'recuas', mas, acho que por ora, lhe ganhaste!

sabes uma coisa? certa vez deixei um comentário algures, escrevi; '... o mar pode ser mulher, depende dos olhos e sentires de quem o contempla...'

um abraço amigo e um sorriso :)
mariam

OUTONO disse...

SUSANA

Duas linhas, dois momentos...uma reflexão.

Saudades do Verão, nem tanto...talvez anseios do Verão.

Das entrelinhas...o leitor é sempre um juíz justo...deixo-te o prazer de ditares sentença.

Beijinho

OUTONO disse...

ANTÓNIO

OH! mar salgado....lembras-te?

O mar e o sal sempre se deram bem.Tentei apenas juntar um pouco de palavras, sem salgar o enleio...

Obrigado amigo.

Abraço

OUTONO disse...

MDSOL

....fica descansada...sei nadar, mas...mesmo assim todo o cuidado é pouco, principalmente pelo perigo de encontrar alguma sereia...

Abraço

OUTONO disse...

LILIPAT2008

Exageraste amiga...soberbo NUNCA!
Apenas uma "reportagem" de momentos frente a frente com o mar.

Apenas o enleio das ondas e o querer navegar...apenas!

Beijinho

P.B. disse...

Saudades do mar... quer no Verão quer no Inverno tem sempre o seu encanto!

Beijinhos

OUTONO disse...

MSLS

Obrigado. Quase que me convenço, dessa beleza anotada...mas mantenho-me fiel à simplicidade!

Abraço

OUTONO disse...

RICARDO

Confesso. Fico na dúvida, se plagiei a tua criatividade. Se talo for o conceito, fico desde j+a penitenciado e a promessa de mudar o título. Calhou, no meu rasgo esculpir (também) um título teu...sem o saber!

Obrigado, pelo comentário...que sabe tão bem, como beijo das ondas por mais bravas que sejam.

OUTONO disse...

Se a vontade fosse ordem...mergulharia no teu desejo, até ao limite da tua viagem palavra.

Mas a vontade, é uma simples pérola de sal, onde reparto o sabor de sonhos por acontecer.

Como gostaria, de te sulcar, espuma dentro do teu abraço e, salgar por eterno a brisa do teu sorrir, o perfume desse jogo sensual e ancorar na ilha de um farol...onde a luz aviso, fosse o teu olhar...como gostaria!

Como gostaria de adoçar o beijo salgado do prazer...como poção mágica do êxtase sem fundo...como gostaria

Como gostaria de te acariciar e salpicar-te de beijos mar...mas estou tão longe dele...

OUTONO disse...

PARAPEITO

Sentado no areal húmido, vejo o borbulhar da espuma incerta, e o atrevimento de ondas criança...

Tanto mar...e o verbo amar, prontos para o diálogo da manhã.

Beijinho

susana disse...

:)
As saudades do verão eram as minhas, foi o que tu despoletaste com o teu poema. As minhas sentenças e as minhas saudades do verão!
:)

OUTONO disse...

AILIME

O verbo amar...conjuga-se sempre, mar dentro da vida por amar.

Não é por mero acaso. que o mar tem tantos segredos...

Beijinhos

OUTONO disse...

PEDRASNUAS

Tens muita razão nesse pensar. Só que aqui a luta é amiga e por igual, enquanto na arena é desigual.
De facto, homem e mar, sempre se amaram, no desejo de serem amigos, pena que muitas nuvens...estraguem esse conlúio de incertezas.

Beijinho com sabor a maresia

ParadoXos disse...

Amigo Outono até já me atrevo a dizer que os teus poemas são um alimento inadiável aos olhos de quem te lê!

são mesmo!!

abraços

Maria Clarinda disse...

SIMPLESMENTE DIVINAL!!!!
Não tenho palavras...falas do meu Mar...e...
Jinhos mil

Carla disse...

porque se a amizade já é algo de excepcional...a amizade na tua palavras é algo de transcendental
beijos

MS disse...

Eficaz. Oiço o Mar. Só sentimos falta das coisas quando as não temos...

Bons mergulhos...

Eu sei que vou te amar disse...

Meu lindo Outono....maravilhoso esse amar, extase de sentimentos nas ondas que se perdem em cada letra desta poesia que transborda como beijos em mim!
Um beijo a (a)mar...

Multiolhares disse...

O mar tem disto faz com que lindos poemas sejam escritos
beijos

SAM disse...

Vim te deixar um beijo, amigo!

OUTONO disse...

PARADOXOS

Exageras amigo...mas aceito o teu lado bom de dizer solto com a tua assinatura. É , para mim, uma honra.

Um abraço.

OUTONO disse...

MARIA CLARINDA

....do nosso mar...desse iodo puro e ondas abraço, onde vagueia a minha procura de momentos calmos...

Beijinho

OUTONO disse...

CARLA

sempre escrevi Amizade....com letra grande. Obrigado por partilhares esse lado personalizado.

Beijinho

OUTONO disse...

MS

Tal como a saúde....amigo.

Um forte abraço.

OUTONO disse...

NAELA

Eu sei que vou te (a)mar, neste dizer ondulado...neste sulco gigante do horizonte da tua sensualidade.

Obrigado amiga. Beijinho salgado e doce

OUTONO disse...

MULTIOLHARES

Preciso. O mar é a minha única inspiração de cada momento, que se mostra sempre nova...

Beijinho

OUTONO disse...

SAM

Outro para ti...com uma certeza, apesar do Oceano que nos separa...senti a brisa do teu beijo e a âncora da tua amizade.

Beijo

José disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
OUTONO disse...

MARIAM

Leio no sossego do meu sentir:

"e... nunca o mar se 'encolheu' tanto perante um duelo assim... de gigantes! Ele com suas afoitas vagas de sentires e Tu com esta escrita maravilhosa... dizes que 'recuas', mas, acho que por ora, lhe ganhaste!"

Creio que exageraste. Creio mesmo, que o lado benéfico do teu sentir, opinou em meu favor...numa percentagem bem desigual. Mas, não recuso o teu comentário...quem não se sente bem, perante uma carícia, seja pessoal ou tecida por uma pena...como a tua, cheia de olhares atentos e sorrisos cativantes?
Mas o mar...é imenso...tão imenso que não tem limites...tão imenso que nos confunde, na sua força, na sua bonança e, no seu ondular enigmático. Talvez por isso... arriscar Tanto (a)mar.
Eu gosto do mar, com o respeito de quem o aprecia, e a alegria de quem o visita. É nele, que consigo momentos de absoluto silêncio, mesmo quando revoltoso e perfumado de iodo borbulhante. É nele que bebo um pouco da frescura da minha escrita...apesar de o escrever simples.
Fiquei emocionado, feliz e sorridente, com o teu comentário, tal como todos os outros ( apesar de alguma desordem, na cronologia da resposta, de que me penitencio...), foram todos um (a)mar imenso de palavras maresia relaxante e amigas. E, o meu contentamento...traduz um abraço bem apertado, pela magia de palavras, como as tuas, que mesmo exageradas ( insisto e farás o favor de perdoar)são impulso e consequência de olharmos este Mundo virtual, com um carinho e empenho agradáveis. Já lá vai, quase um ano, se a memória não me falha, que por aqui nos "conhecemos"...oxalá, que possamos continuar a dizer presentes...a pretexto de sentires, poéticos ou não...mas amigos e participativos.
Beijinho...com sabor a mar!

Natália Augusto disse...

Demasiado belo para ser comentado. As palavras fogem perante tanta magnitude e grandiosidade.

Parabéns!

彭于晏Eddie disse...

That's actually really cool!AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色