My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

segunda-feira, dezembro 15, 2014



PERDIDO ALGURES

- José Luís Outono -

Perdido algures nos encontros de olhares pensadores, os espelhos das águas calmas, são uma projecção diametralmente oposta aos contornos da possível quietude de um estar.
Leituras sem palavras, ditas nos frios de uma encenação gerida em sopros de ventos e caminhadas migratórias.
Esboços ou pequenos traços de contos escritos em páginas sem limite ou espessura, talvez repetidos, ou até moldados em índices de perfeição possíveis. Genuínos mestrados da continuada aprendizagem, na escola do acto de rasgar ditadores calendários, até ao limite.


BOAS FESTAS

in MOMENTOS - José Luís Outono - 2014
(ao abrigo dos direitos de autor - S.P.A. 106402

7 comentários:

Mar Arável disse...

Haja luz

O Puma disse...

Haja luz

nesta desordem de cores nos jardins

Abraço

Rita Freitas disse...

Belo!

Boas Festas

L.S.A. disse...

Bonita fotografia com um reflexo muito bom.
Bom 2015

OUTONO disse...

O PUMA

Muito grato pela sensibilidade expressa no comentário.
Um abraço

OUTONO disse...

RITA FREITAS


Sensibilizado agradeço e retribuo os votos formulados.

Abraço!

OUTONO disse...

L.S.A.

Muito grato pelo reconfortante comentário.
Bom Ano
Abraço!