My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

domingo, março 01, 2009

Dizeres calmos...



...gentileza da Net...

Segredos do luar mágico dispersos
Forças de emoção aniladas internas
Dizeres calmos em silêncios cruzados
Marcas de hoje com sabor de outrora...

Abraços tecedores de vida património
Agrados marcados no painel natureza
Fascínios, aragem de amor crescente
Névoas de pétalas presentes no cair...

É o anoitecer da margem hospitaleira
O interminável sedutor azul forte
Crepúsculo de certeza seda pródiga...

Sofreguidão certa de um ser a dois
Voz apelo no alcance do elo feliz
Frémito louco na ansiedade do fazer...

in - momentos (by OUTONO) - 2009

28 comentários:

mariam disse...

Outono,
intrigante e belo soneto! gostei.

ainda hibernante.. venho só dar um grande abraço (tenho o meu pc em 'apuros' com problemas spam, recebo mas não consigo mandar mails rsrs)

um sorriso :)
mariam

Maria Anjos Varanda disse...

belo soneto....parabéns.

Beijos e boa semana

Vera disse...

Um ser a dois, com a força do segredo do luar, é Amor sublime Outono!

:)

Beijo grande

Lúcia disse...

'Frémito louco na ansiedade de o fazer'

Tudo resumido aqui.
Mágico.

Maria Dias disse...

Bonito este amor...

Belo soneto.

Beijos

Maria

pin gente disse...

a dois o azul torna-se mais sedutor e ainda mais azul.
gostei, outono

abraço




(o teu novo pianista assustou-me...)

Carla disse...

emoção...em segredo que nos faz sonhar...a dois
beijos

Parapeito disse...

...e que maravilha quando dois se tornam em um...
Meigo estes Dizeres calmos****

Maripa disse...

Dizeres calmos...aragens de amor crescente num anoitecer azul e sensual.

Beijo carinhoso,Outono.

Sol da meia noite disse...

Gostei de ler este belo soneto, onde calmas palavras escrevem o hoje, tecido pelos sabores de outros tempos. E onde o tempo presente é tecido com doçura.

Beijinho *

Xana disse...

Que belezura amigo, adorei:)

beijinho

Arabica disse...

A vida deveria ser sempre esse frémito louco na ansiedade de a viver.


Deveria ser proibida a palavra "cinzento" e com ela, todos os cinzentos.


Bom fim de semana.

Beijo

OUTONO disse...

MARIAM

Intrigante...mas belo...?
Confesso, não entender...a não ser o factor beleza de uma bela intriga.

Será?

Amiga, trata desse Magalhães...antes que ele trate de ti. Beijinho.

OUTONO disse...

MARIA ANJOS VARANDA

Coro com a sensibilidade das tuas palavras.

Muito obrigado.

Beijinho.

OUTONO disse...

VERA

Um grande agradecimento por esse complemento da tua criatividade.

Beijinho.

OUTONO disse...

LÚCIA

Poderá ser...

Boa análise!

Abraço!

OUTONO disse...

MARIA DIAS

O amor é sempre bonito...com amor...claro!

Beijinho.

OUTONO disse...

PIN GENTE

Já despedi o pianista...

Assim o teu comentário será mais azul...mais ...não digo!

Beijinho

OUTONO disse...

CARLA

Tenho para mim que um sonho é sempre a dois. Lógico.

As tuas palavras, também são um sonho...e "quero-as" (perdoa-me a ordem), sempre com muita amizade.

Beijinho

OUTONO disse...

PARAPEITO

A calma...é um dos princípios do amor...mesmo intenso!

Beijinho.

OUTONO disse...

MARIPA

O azul das tuas palavras, a aragem fresca da tua criatividade...são luares intensos de uma escrita, que quero sempre ver por aqui.

Muito obrigado, pela tua partilha.

Beijinho.

OUTONO disse...

SOL DA MEIA NOITE

...creio que já por aqui o disse:
- tal como o Sol da Meia Noite.

Beijinho carinhoso.

OUTONO disse...

XANA

Belezura....muito obrigado!

Beijinho.

OUTONO disse...

ARABICA

Concordo.Concordo. Concordo!

Deixa-me, no entanto, dizer que gosto do cinzento...em certos momentos, em certas atitudes...em certos sentires...

Beijinho.

SAM disse...

Um lindo soneto, amigo! Um beijo

Pedrasnuas disse...

"Sofreguidão certa de um ser a dois
Voz apelo no alcance do elo feliz
Frémito louco na ansiedade do fazer..."

É trancar com chave de ouro!!!

Beijoca

OUTONO disse...

SAM

Um dia vou dedicar-te um soneto...

Beijinho

OUTONO disse...

PEDRAS NUAS

Beijinho grande...e guarda bem a chave de ouro...com a crise!!!!!