My music...

https://youtu.be/IhAFEo8DO2o

quarta-feira, fevereiro 11, 2009

Noite dormente...


gentileza da net...

Céu decaído na penumbra do cinzento
Chuva esguia no meio das urbes
Passos abertos, na fuga do incerto
Noite dormente, evasiva, penitente...

Manhãs de sobressalto e dúvidas ...
Horas nunca certas, no áspero labor
Infinitos taciturnos, rios vertentes
Desníveis ocos na vontade da vida...

Neste esvoaçar dos dias que passam
Perdem-se sorrisos no degelo do olhar
Cumprem-se sentidos e rituais amorfos...

Desgastantes invernos alongados
Marcas brancas na neve dos caminhos ...
Ouvem-se gritos da crise, por calar!


Invernias - (by OUTONO) - 2009

15 comentários:

Xana disse...

É na calada da noite que todos os pensamentos , angustias , e alegrias nos vêem à cabeça.
E durante este ano vai haver muitas noites caladas de incertezas.
beijos

Xana disse...

* erro

vêm - do verbo vir hehehehe

susana disse...

Sabes que mais: também estou farta deste inverno e também me sinto mais ou menos assim...

mariam disse...

Outono,

belo e invernal soneto! assim me sinto! como no 1º terceto rsrs

gosto desta música 'teu olhar'...

bom resto de semana
um abraço e o meu sorriso :)
mariam

Angela Ladeiro disse...

Gostas de escrever e ainda bem. Porque é bonito o que nos dás a conhecer. Quanto aos erros, são de menor importância para a criatividade. Há quem nunca os dê e escreva sem qualquer arte ou criatividade. Eu que sou criativa por profissão, é o que mais aprecio...A Xana deu o erro e logo o corrigiu, mas na sua arte é uma criativa.

Desnuda disse...

E aqui um calor excessivo, meu amigo. Mas amo o sol. Belo poema, como sempre.


Lindo fim de semmana! Beijos

Tana disse...

Tao invernal que sinto arrepios :)

Mt bonito!

Beijo

Pena disse...

Talentoso e Sensível Amigo:
Nada melhor que escrever uma poesia deslumbrante é senti-la como a sente em si e, escreve, desta forma extraordinária e bela. Um poema fabuloso. Terno. Fantástico. Admirável.
Repleto de uma sensação aconchegante. Afável.
Abraço daqueles fortes de amizade com imenso respeito e estima.
Cordialmente e com simpatia pelo que é e poetisa...
O AMIGO SINCERO


pena

Simplesmente, sublime. Fantástico! Genial, amigo!

OUTONO disse...

XANA

Espero bem que não...amiga!

Beijinho

OUTONO disse...

SUSANA

Então...o reconforto dos pensamentos aquáticos...dissolveu-se?

OUTONO disse...

Mariam

Preciso de sol...Preciso de sol...

Estas nuvens e este frio...tornam-me sedentário...

Beijinho.

OUTONO disse...

ÂNGELA LADEIRO

A escrita é uma constante em ebulição...tal a criatividade, quando verdade...

Gosto de escrever...um facto, mas gosto mais de escrever e comunicar.

Obrigado pelo apoio.

OUTONO disse...

DESNUDA

Não queres mandar pelo correio um pouco desse calor...PRECISO!

Beijinho doce.

OUTONO disse...

TANA


....tal como eu!

Beijinho

OUTONO disse...

PENA

Genial, é a sua amizade, e o conforto das suas palavras.

Se elas fossem sóis...o inverno era coisa do passado.

Um abraço.